segunda-feira, 12 de novembro de 2018

Bolsonaro saca dinheiro, compra carne e faz churrasco para seus funcionários

O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), saiu de casa, na Barra da Tijuca, na manhã deste domingo (11) para ir a uma agência bancária e caminhar na orla. Escoltado por policiais federais, ele saiu do carro por volta das 10h30 e retornou uma hora depois. Num primeiro momento, Bolsonaro parou no Banco do Brasil e usou o caixa eletrônico, acompanhado de, no mínimo, cinco agentes federais e um integrante da sua equipe que filmou toda movimentação da agência. De acordo com a assessoria, ele saiu para sacar dinheiro para comprar carne para o churrasco que fez para seus seguranças. Pouco tempo depois, um vídeo foi divulgado mostrando ele acendendo a churrasqueira.
A segunda parada do passeio foi no calçadão da orla da Tijuca. O presidente eleito passou por dois quiosques, cumprimentou e posou para fotos ao lado de banhistas  e tomou água de coco. Essa foi a primeira vez que Bolsonaro esteve na orla depois do atentado sofrido em Minas Gerais. A caminhada foi registrada e divulgada à imprensa pela equipe de assessoria. Ao retornar para casa, o presidente eleito desceu do carro na portaria do condomínio para cumprimentar Azenate de Sousa, uma jornalista e professora de língua portuguesa de 70 anos vítima de paralisia infantil que estava em uma cadeira de rodas na porta do condomínio onde Bolsonaro mora.

“Todo ano, venho passear no Rio. Desta vez, cheguei dia 5 e contei para todo mundo que viria tentar ver o Bolsonaro”, disse Azenate, que mora em São Luís (MA) e vai ficar no Rio até o próximo dia 20. “Hoje foi a primeira vez que vim à porta da casa dele e já consegui encontrá-lo”, comemorou a professora. Durante o passeio e na volta para sua residência, o futuro chefe do executivo nacional foi recebido aos gritos de “mito”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO: Não serão aceitos comentários com teor ofensivo, difamatório ou contendo palavras de baixo calão.