terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

Homem mata a namorada, viaja com o corpo até a casa dos pais e se mata

Um homem assassinou a namorada a tiros, viajou com o corpo dela até a casa dos pais dele, por 65 km de distância e, posteriormente, se matou, no último sábado (23), em Itapetininga, interior de São Paulo. Francisco Moacir Nunes Junior tinha 37 anos e era agente penitenciário. Segundo os pais dele, o tiro que matou Iara Coelho da Silva, de 30 anos, foi acidental e ocorreu durante uma briga do casal. Ainda de acordo com os familiares de Francisco, Iara teria encontrado mensagens de outra mulher no celular dele. Ela teria saído de casa e voltou para buscar os pertences, quando a briga ocorreu. O caso foi registrado na polícia como homicídio e suicídio, segundo informações do jornal O Estado de São Paulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO: Não serão aceitos comentários com teor ofensivo, difamatório ou contendo palavras de baixo calão.