domingo, 12 de maio de 2019

Show de Luan Santana em Teolândia tem indícios de superfaturamento praticado pelo prefeito

O cachê de R$ 280.000,00 (duzentos e oitenta mil reais), pago pela prefeitura de Teolândia, é o mais caro pago pela apresentação do cantor Luan Santana, este ano, no Brasil. A informação, obtida com exclusividade pelo Diário Paralelo, vem após uma série de pesquisas feitas em vários outros contratos firmado entre o artista e prefeituras de outros municípios.
Como comparativos pegamos dois outros contratos, um deles publicado no Diário Oficial da cidade de Petrolina, em Pernambuco, e outro da cidade de Atibaia, em São Paulo.
Em Petrolina Luan Santana se apresenta dia 14 de junho, um dia antes de sua apresentação em Teolândia, e lá, o artista receberá um cachê de R$ 245.000,00 (duzentos e quarenta e cinco mil reais), enquanto que em Teolândia, o show custará exatos R$ 280.000,00 mil reais, cerca de R$ 35.000,00 (trinta e cinco mil reais) a mais.

Essa diferença aumenta ainda mais quando compara-se o valor pago em Teolândia e o pago em Atibaia. Na cidade paulista o artista receberá R$ 235.000,00 (duzentos e trinta e cinco mil), uma diferença de R$ 45.000,00 (quarenta e cinco mil). (Diário Paralelo)

Um comentário:

  1. Nessas cidades grandes o custo de toda a equipe, banda , tudo por completo sai mais em conta , porque em Teolandia no interior para se levar toda uma estrutura de um show desse tamanho requer mais gastos e ele só vai tocar em Teolandia exclusivamente nesse dia , não tem outros shows próximos então antes de publicar tente ter uma visão mais ampla do assunto de bandas e shows quando se apresentam em cidades menores

    ResponderExcluir

ATENÇÃO: Não serão aceitos comentários com teor ofensivo, difamatório ou contendo palavras de baixo calão.