quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

Presidente do Vitória ameaça arbitragem após partida no Barradão

-O presidente do Vitória, Paulo Carneiro, divulgou um áudio em um grupo de WhatsApp após o empate em 2 a 2 do rubro-negro com a Juazeirense, em partida válida pelo Baianão, onde ele reclama de erros da arbitragem. Na avaliação do dirigente, o time da casa saiu prejudicado com a atuação do árbitro Emerson Ricardo de Almeida Andrade, que é integrante do quadro da CBF.

“Como eu não disputo campeonato baiano há muito tempo, estou vendo que as arbitragens da Bahia estão muito fracas. Hoje esse árbitro boçal que apitou aqui marcou um pênalti no final do jogo absolutamente inexistente, é só olhar na TV. Kanu nem é tocado e ele deixa de marcar um pênalti a nosso favor num chute de Edson que a bola bate na mão do goleiro e ele não marca o pênalti. Fora a mão do zagueiro que ele deveria ter expulsado”, reclama.


Paulo Carneiro ainda usou um tom de ameaça para afirmar que, caso as situações seguissem acontecendo, as condições de apitar no Barradão iriam mudar. “Quero alertar esses árbitros que eles vão ter todas as condições de apitar aqui no Barradão, mas se continuar roubando, as condições vão desaparecer. É bom tomar vergonha na cara”, declarou o dirigente. (Metro1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO: Não serão aceitos comentários com teor ofensivo, difamatório ou contendo palavras de baixo calão.