quarta-feira, 29 de julho de 2020

Cooperativa de Tancredo Neves colhe safra recorde mesmo durante pandemia


A pandemia não parou a produção da cooperativa de produtores rurais de Presidente Tancredo Neves, (COPATAN) na contramão de outras atividades, em junho eles escolheram 330 toneladas de alimentos o triplo da produção do mesmo mês em 2019-e do primeiro semestre de 2020, tiveram um faturamento recorde superior a R$ 9 milhões.

Para os próximos meses a meta e estabilizar-se no patamar alcançado, visando um crescimento anual entre 60% e 70% em comparação com o ano passado, de acordo com o presidente da cooperativa Juscelino Macedo este ano os cerca de 350 cooperados e suas famílias comemoram 20 anos da instituição que desde o embrião conta com o apoio de diversas iniciativas que fomentam a autonomia dos trabalhadores através da organização e da busca pela capacitação profissional.

Sobre a produção ter aumentado no período, o presidente destacou que logo no início da pandemia em março foi feito acordo com compradores [grandes redes varejistas] para garantir a comunidade das entregas

As vendas permanecem através dos canais de comunicação sem necessidade de encontros presenciais “Nós adaptamos as novas exigências sanitárias em todos os setores atendendo os decretos municipais. Nas roças a maioria da mão de obra é das próprias famílias e orientamos que apenas uma pessoa saia da propriedade para fazer as entregas na cooperativa” disse Macedo a distribuição produtos finais é feita em frota própria, em grande parte para Salvado. Ele atribuiu os resultados atuais ao empenho de 20 anos.

Parcerias e melhorias


“Através de parceria com a fundação Odebrecht, Sebrae, Embrapa e muitas outras tivemos melhorias ambientais de produtividade e na qualidade de vida dos cooperados” disse, salientando que esse trabalho reflete na comunidade como diminuição da violência aumento do IDH [índice de desenvolvimento humano] e da renda da população.

Atualmente a instituição que tornou município de Tancredo Neves uma referência regional em produção agrícola em pequenas propriedades comercializadas principalmente banana-da-terra mandioca e abacaxi naturais e beneficiados em doces, chips, farinha entre outros produtos o maior destaque é a produtividade alcançada com a mandioca com média de 30 toneladas por hectare o dobro da média nacional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO: Não serão aceitos comentários com teor ofensivo, difamatório ou contendo palavras de baixo calão.