domingo, 13 de setembro de 2020

Taxa de suicídios aumenta 11% na Bahia em 2019


Em 2019 foram registrados 630 suicídios na Bahia. Este número representa um aumento de 11,7% em relação a 2018, conforme dados da Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), divulgados na última quinta-feira, 10.

O estudo Padrões de vitimização de suicídios na Bahia mostrou ainda que, apesar do crescimento, a Bahia possui uma das cinco menores taxas do Brasil, registrando 4,2 suicídios a cada 100 mil habitantes.

Mundialmente, a Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que um suicídio ocorra a cada 40 segundos no mundo. O órgão estima ainda que a taxa global de suicídio padronizada por idade para 2016 foi de 10,5 por cada 100 mil pessoas.

Onde buscar ajuda

No estado, existem diversas iniciativas para amparar quem está passando por momento de dificuldade. O Núcleo de Estudos e Prevenção do Suicídio (NEPS), do Hospital Geral Roberto Santos, localizado no bairro do Cabula, em Salvador, realiza, além do acompanhamento psicológico, atendimento psiquiátrico ambulatorial, terapia ocupacional e reuniões informativas para familiares de pacientes que tentaram suicídio.


Outra alternativa é procurar o Centro de Valorização da Vida (CVV), que promove apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo de forma gratuita quem quer e precisa conversar, seja pelo telefone 188, e-mail e chat, diariamente, disponível no site oficial do Centro.


Salvador conta também com a emergência psiquiátrica, que funciona 24h, no 5º Centro de Saúde Clementino Fraga, na Avenida Centenário. (A Tarde)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO: Não serão aceitos comentários com teor ofensivo, difamatório ou contendo palavras de baixo calão.