terça-feira, 13 de outubro de 2020

Ditador Kim Jong-un chora e pede desculpas ao povo norte-coreano: “Fracassei”



O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, se emocionou durante uma rara aparição e pediu desculpas ao povo norte-coreano por não conseguir cumprir com as promessas de progresso econômico. O discurso aconteceu durante o 75º aniversário da fundação do Partido dos Trabalhadores, em Pyongyang, no sábado (10), mas as imagens só foram divulgadas no Ocidente nesta segunda-feira (12). 

Ele culpou sanções internacionais, tufões e o coronavírus por impedi-lo de cumprir as promessas, mas não fez nenhuma menção direta a outros países. “Nosso povo depositou confiança em mim, tão alta quanto o céu e tão profunda quanto o mar, mas eu falhei em sempre cumprir de forma satisfatório. Eu realmente sinto muito por isso”, admitiu o líder. (BNews)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO: Não serão aceitos comentários com teor ofensivo, difamatório ou contendo palavras de baixo calão.